sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Há que ter Fibra!

Aliada a uma vontade recente de praticar mais desporto - afinal o tempo começa a convidar - e às informações que o meu curso começa a fornecer, decidi iniciar alterações em alguns hábitos alimentares de modo a sentir-me melhor e mais saudável comigo mesmo. Ainda sou muito amadora, o meu amor à comida é grande e a queda em tentações calóricas é assustadora (ainda ontem 'roubei' dois Guylian da minha mãe, brr) porém, decorrente da época de exames e das muitas gomas e doçarias ingeridas, notei umas curvas desconhecidas no meu corpo. E não, isso assim não pode ser!

Uma das minhas primeiras mudanças dar-se-á hoje: fibra, lanches e pequenos almoços!
Quantas não são as vezes que chegamos à faculdade só com um iogurte bebido ou uma tigela de leite mal digerida? Comigo é constante: levanto-me, preparo-me, engulo uma tigela rápida de leite com cevada e corro para o autocarro. Quando chego à faculdade a fome já é tanta que PUMBA!, lá vai a Daniela cair em más tentações. E o mesmo acontece com ao retorno a casa: apetece-me atacar todo o frigorífico. Nada disto é impedido, mas há que começar a ter em conta o que realmente deve ser ingerido, com nível de satisfação igual.


As fibras são hidratos de carbono que não são absorvidos pelo organismo. Desta forma, as suas calorias não são contabilizadas na nossa própria ingestão e, simpaticamente, ajudam ainda na redução da absorção de outras porções da nossa dieta que queríamos bem longe do nosso organismo. De um modo geral, temos dois tipos de fibras: as solúveis e as insolúveis. As solúveis são caracterizadas pela absorção de água, formando substâncias gelatinosas que impedem a entrada das gorduras por absorção (importantes para redução de níveis de colesterol, por exemplo) e aumentam os níveis de saciedade (muito importante na dieta); ao invés das insolúveis que não interactuam com a água mas ajudam no aumento do bolo fecal, numa redução da prisão de ventre e melhor trabalho intestinal.


De modo a aumentar a minha ingestão de fibras, decidi enveredar no desenvolvimento de algumas 'papas' de iogurte natural com muitos destes carbohidratos pelo que, muito determinada, meti hoje pé no Continente e decidi-me por uma saquinha de farelo de aveia e outra de farelo de trigo. Os preços por saca são formidáveis, muito mais acessíveis do que tinha em mente - menos de um euro cada um - pelo que essa desculpa não pode dar a mão a ninguém que a queira usar.


A aveia é uma fibra fabulosa e atualmente muito falada em estudos recentes, por ser capaz de reduzir os níveis de colesterol e o risco de doença cardiovascular. Comprei uma pequena embalagem de 200g da marca branca do Continente - ÁreaViva -, onde cada 100g de produto fornecem 8,2g de fibra. Já o farelo de trigo (uma embalagem de 250g da marca Saluten) tem um valor absolutamente fascinante de 46,0g por 100g de produto: ou seja, com quatro colheres de sopa já tens a tua suplementação de fibra diária assegurada! A escolha do iogurte foi para o natural da Mimosa que, pelos meus exames, não era o com menos açúcar - a marca branca possuía uma quantas gramas a menos de açúcar - mas foi o mais fácil de transportar na viagem longe para casa que ainda me esperava.

Ainda não experimentei uma 'paparoca' de todos estes ingredientes, adicionados a alguma fruta. Espero dedicar-me daqui a uma hora a tal - estou ansiosa!
 Espero que apesar de longa, tenham gostado desta publicação. Acharam útil? 
Comentários
11 Comentários
  1. Gostei muito deste post. Às vezes esquecemo-nos - ou desconhecemos - a importância das fibras. Eu há algum tempo comprei sementes de linhaça, mas não sei porquê deixei de consumi-las. Normalmente ponho no iogurte.
    Quanto ao farelo de trigo, há uns tempos atrás eu lembro-me de comer, já nem sei com o quê, mas sei que conheço bem o sabor.
    Também tenho que entrar na linha, que sou bastante gulosa

    ResponderEliminar
  2. Isto de ser vegetariana, tenho que ingerir bastante fibra para me manter saudável. Só me falta dedicar mais ao desporto ;)
    Mas fazes bem, eu faço essas papas mais ou menos quatro vezes por semana :)

    http://free-colors.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Eu costumo usar imensas especiarias, porque além de fazerem bem dão um sabor único à comida.
    Eu só desde que comecei a interessar-me por levar uma vida saudável é que descobri o quanto as fibras são importantes para o nosso organismo.

    ResponderEliminar
  4. Bastante útil. É essencial termos uma alimentação saudável :)

    ResponderEliminar
  5. isto deve ser de nome :P porque eu decidi fazer o mm agora. comprei aveia e hoje o meu pequeno almoço foi papas de aveia em leite soja :P

    ResponderEliminar
  6. Que dose de fibra e trigo, por cada iogurte, aconselhas?
    Gostava imenso de começar a apostar numa alimentação mais completa e saudável :)

    Beijinho
    http://dcidadedopecado.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Não conhecia o teu blog mas adorei! Estou sempre pronta para saber mais sobre estilos de vida saudável, embora não queira emagrecer. E estou a seguir-te no twitter, facebook e GFC para continuar atenta às tuas dicas. Se tiveres oportunidade visita o meu e segue de volta se gostares :) beijinhos*

    Le Trendy Charm BLOG
    Le Trendy Charm FACEBOOK

    ResponderEliminar
  8. Adorei oblog estou fã :) ja estoua seguir

    ResponderEliminar
  9. Very nice Inspirations

    FOLLOW ME
    http://rimanerenellamemoria.blogspot.de
    https://www.facebook.com/Rimanerenellamemoria
    http://instagram.com/rimanerenellamemoria

    ResponderEliminar
  10. Nunca experimentei nenhum desses produtos, vou procurar!

    http://nobresonho.blogspot.pt/

    ResponderEliminar